O transplante capilar tem pós-operatório pouco doloroso

O transplante capilar é realizado em ambiente hospitalar, sob anestesia local associada à sedação.  Logo após o término do procedimento, o paciente retorna para o quarto, podendo alimentar-se assim que despertar. Após a realização do transplante capilar, o paciente permanece em repouso no hospital por algumas horas, com alta programada no mesmo dia. A medicação analgésica é suficiente, sendo um procedimento pouco doloroso no período pós-operatório.

Não se deve dirigir após a alta ou no mesmo dia da cirurgia, mesmo que o paciente não apresente qualquer sintoma. Recomenda-se que o paciente não pratique atividades físicas extenuantes ou não se exponha demais ao sol até a retirada dos pontos cirúrgicos.

Após a alta hospitalar, o paciente retorna para casa fazendo uso de uma proteção (um gorro) na área operada. Não há necessidade de bandagens ou curativos adesivos no transplante capilar. O gorro pode ser retirado passadas as primeiras 24 horas da cirurgia.

A primeira lavagem dos cabelos deverá ser realizada 48 horas após o procedimento. Recomenda-se o uso de shampoo antisséptico apropriado, até a retirada dos pontos. Durante o banho é importante ter cuidado, evitando a remoção (com as unhas) das crostas que se formam na área transplantada.

Continue lendo:  FUE Artas: nova técnica de transplante capilar

Os pontos do transplante capilar estão localizados na região posterior da cabeça, de onde são retirados os chamados enxertos (área doadora). Esses pontos são retirados em consultório após um período de 10 a 14 dias da cirurgia. Nesse período não é recomendada a prática de atividades físicas extenuantes. Não há necessidade do uso de proteção na região transplantada (com gorro ou chapéu), a não ser em caso de exposição solar intensa e prolongada.

É comum ocorrer inchaço no pós operatório imediato, frequentemente na região frontal, próximo às pálpebras, sobrancelhas e nariz. Nenhuma medida específica é necessária e a absorção ocorre naturalmente entre 2 e 3 dias. Esse desconforto pode ser facilmente controlado com medicações analgésicas simples. Normalmente o transplante capilar não provoca dor intensa no pós operatório. É importante ter cuidado na região posterior da cabeça (ao se pentear, por exemplo), onde se localizam os pontos realizados durante a cirurgia a fim de evitar pequenas lesões. A técnica usada atualmente permite que os fios de cabelo cresçam através da cicatriz, tornando-a discreta.

 

Você também pode se interessar por...