A queda do cabelo atinge grande parte da população brasileira. Hoje em dia, isso não se trata mais de um acontecimento sem solução. Os métodos de transplante capilar evoluíram consideravelmente, e tem sido a grande alternativa para recuperar os fios perdidos. No artigo de hoje, falarei detalhadamente sobre as diferentes técnicas deste procedimento e quais são suas vantagens.

 

1) Transplante de Unidade Folicular (FUT):

O transplante capilar pela técnica FUT consiste na retirada de uma pequena faixa do couro cabeludo, e a partir dessa retirada, as unidades foliculares  serão individualizadas em agrupamentos de até quatro folículos capilares, denominadas unidades foliculares. Depois de retiradas, as unidades foliculares são transplantadas para a área receptora.

 

Continue lendo:  [:pb]Transplante capilar para correção de falhas e cicatrizes[:]

2) Extração de Unidade Folicular (FUE):

Na técnica FUE, os folículos capilares serão transplantados para a área receptora da mesma maneira como na técnica FUT utilizando-se os implanters . Porém, as unidades foliculares são removidas do couro cabeludo uma a uma, manualmente.

 

Utilizamos a extração pelo método FUE manualmente com qualidade e segurança para o paciente. Este procedimento garante um resultado  natural, além da cicatriz puntiforme ser menos perceptível.

 

Essas são as técnicas de transplante capilar para calvície mais utilizadas atualmente. Em caso de qualquer dúvida ou para maiores informações, entre em contato comigo. Agradeço a leitura!

Você também pode se interessar por...