Certos cuidados com a pele, como limpeza, aplicação de filtro solar e hidratação, devem ser constantes, em qualquer situação, idade e gênero.

Porém, é fato que o corpo todo muda ao passar dos anos, inclusive nossa pele. Por esse motivo, são necessários alguns cuidados especiais de acordo com a faixa etária.

20

Na época dos 20 e poucos anos, em geral, a pele é firme e já está livre das alterações hormonais constantes típicas da adolescência. Mesmo assim, é importante começar, nessa idade, a prevenção ao envelhecimento com alguns cuidados com a pele, como uso de cremes com vitamina C (que protege a pele e estimula a produção de colágeno) e limpeza por, pelo menos, duas vezes ao dia para evitar oleosidade.

30

Com a chegada dos 30 e poucos anos, começam a aparecer os primeiros e pequenos sinais de envelhecimento, como manchas e as famosas – e temidas – rugas. Isso acontece porque há a diminuição da produção de colágeno e elastina. Para os cuidados com a pele nessa época, recomenda-se o uso de cremes anti-idade (que contém os nutrientes necessários para a pele em cada faixa etária) e filtros solares com antioxidantes, além da limpeza e hidratação.

Continue lendo:  [:pb]Principais cuidados com a pele masculina[:]

40

A partir dos 40 anos, os sinais de envelhecimento ficam mais aparentes devido a perda de elasticidade. No caso das mulheres, a variação hormonal devido a aproximação da menopausa pode deixar a pele mais ressecada. Por esse motivo, é preciso dar maior atenção a hidratação, além dos outros cuidados com a pele anteriormente citados, como cremes com antioxidantes.

50

Dos 50 anos em diante, os sinais de envelhecimento já estão bem mais aparentes. A pele é mais frágil e seca e o uso de hidratantes com ação antioxidante, vitaminas e clareadores é necessário.
A partir dessa idade, os cuidados com a limpeza também devem ser mais profundos, não esquecendo do uso constante de filtro solar.

 

 

É importante mencionar que os casos e cuidados com a pele acima mencionados são gerais e não dispensam a análise de um dermatologista!

 

Gostou desse artigo? Inscreva-se na newsletter para receber mais notícias!

Você também pode se interessar por...